Conheça nosso Blog
limpar caixa d'água
Publicado em 27 de março de 2018

Doenças que podem ser evitadas ao limpar caixa d’água

Com a preocupação sobre a questão do racionamento da água, a procura por caixas d’águas sofreu um grande aumento, sendo cada vez mais indicada por especialistas que os moradores procurem um reservatório de volume mínimo, correspondente ao consumo médio diário. Todavia, a preocupação com a limpeza também deve ser cobrada, pois limpar caixa d’água é um dos principais meios de garantir a sua saúde.

Em uma época de uma transmissão altíssima de doenças graves, como a dengue e a febre amarela, todo o cuidado é pouco e, ao limpar caixa d’água, você evita a proliferação de microrganismos e doenças. Por isso, a Insect Bye preparou este artigo alertando sobre as doenças que podem ser transmitidas por meio de cuidados precários com a caixa d’água. Confira!

Confira quais doenças são evitadas ao limpar caixa d’água

doenças evitadas ao limpar caixa d'água

Hepatite A

O vírus da hepatite A pode ser contraído pela ingestão de água contaminada com esgoto, podendo ocorrer, também, por meio da transmissão entre pessoas. Seus sintomas gerais incluem mal estar, náuseas e vômito, dor abdominal e no corpo, olhos e pele amarelados. No caso de ser um quadro grave, a insuficiência hepática pode ocorrer, trazendo sangramento e até a morte.

Leptospirose

Doença infecto-contagiosa tendo como principal transmissor o rato. Por meio da urina infectada, os ratos e camundongos contaminam a água, solo e alimentos e uma das principais formas de transmissão da doença é a ingestão e contato com tais itens.

A doença causa febre alta, calafrios, dores de cabeça e musculares, náuseas e urina escura. Na maioria dos casos, os principais órgãos afetados são o fígado e os rins, causando danos graves, podendo levar a morte.

Dengue

evite a dengue ao limpar caixa d'água

A dengue é um dos principais problemas de saúde pública no Brasil e é transmitida, principalmente, pelo mosquito Aedes aegypti infectado, mas também pelo Aedes albopictus. É uma doença considerada grave, pois sua evolução gera a dengue hemorrágica, síndrome do choque da dengue, sendo caracterizada geralmente por sangramento e queda de pressão arterial, podendo levar ao óbito.

O mosquito transmissor tem preferência por água limpa para procriar, o que torna fundamental limpar caixa d’água e mantê-la fechada.

Febre tifóide

Doença causada pela bactéria Salmonella enterica typhi, transmitida por meio de água e alimentos contaminados. Entre seus sintomas estão febre, dor de cabeça e muscular, tosse seca, calafrios e fadiga. Após a etapa inicial, podem vir sintomas como tontura, pintas vermelhas pelo corpo e inchaço na barriga.

Caso não haja o tratamento adequado para a doença, o sangramento e perfuração do intestino, septicemia e outras complicações podem aparecer, levando a morte.

Gastroenterite

É uma inflamação do intestino delgado e do estômago. Essa doença pode ser causada por bactérias, protozoários (amebas) ou vírus (rotavírus e o norovírus), podendo entrar no corpo humano por meio de água contaminada ou alimentos. Seus sintomas são vômito, diarreia, cólicas, febre e sangue nas fezes, podendo durar de dois a cinco dias. Os principais sintomas são vômitos, dores abdominais e diarreia.

Para garantir a limpeza da sua caixa d’água com a total eficiência contra as ameaças de doenças e infestação de pragas, conte com a dedetizadora Insect Bye! Temos 20 anos no mercado, com serviços de limpeza de caixa d’água de qualidade e eficiente para o controle de pragas. Entre em contato conosco e saiba mais sobre nossos serviços!

Links úteis:
Dedetizadora Rj
dedetização
Dedetização Rj

CategoriasPosts RecentesTags