Conheça nosso Blog
Conheça as doenças transmitidas por pulgas
Publicado em 25 de julho de 2019

Conheça as principais doenças transmitidas por pulgas

A pulga é um parasita que habita a parte externa do animal e se alimenta do sangue dos seus hospedeiros. Além de atacarem os pets, também podem picar o ser humano. Os perigos são vários, desde uma alergia até uma forma mais grave de anemia. Portanto, é imprescindível identificar a presença dos insetos e eliminá-los. Para te ajudar a entender melhor sobre o assunto, a Insect Bye separou algumas doenças transmitidas por pulgas neste artigo. Continue a leitura para saber mais!

Principais doenças transmitidas por pulgas

Dermatite alérgica

Gato coçando a cabeça com a pata traseira. Ação que simboliza uma dos príncipios das doenças transmitidas por pulgas.

Essa é uma das doenças transmitidas por pulgas mais comuns em cães e gatos. Trata-se de uma alergia que causa coceira intensa na região do lombo e cauda dos pets. Ocorre quando os animais picados pela pulga apresentam sensibilidade às proteínas da saliva do inseto. Ou seja, por meio de picadas intermitentes, a doença é transmitida, causando forte reação alérgica.
Os principais sinais clínicos da dermatite alérgica são: feridas, descamação, queda dos pelos e mal cheiro. Caso não seja tratada a tempo, pode desenvolver uma infecção na pele do animal, chamada piodermite.

Anemia

A micoplasmose felina, também conhecida como anemia infecciosa felina, é uma das doenças transmitidas por pulgas. Em geral, ocorre em gatos. Por meio da picada do inseto, a bactéria Mycoplasma haemofelis penetra na corrente sanguínea e adere à superfície dos glóbulos vermelhos. Em seguida, causa a destruição das hemácias e origina anemias profundas.

Caso não seja tratada rapidamente, a anemia infecciosa felina pode levar o animal a óbito. Portanto, é importante observar o gato e prestar atenção no seu comportamento. Os principais sintomas da doença são: coceira, falta de apetite, perda de peso, desidratação, fraqueza, depressão e palidez das mucosas.

Verminoses

Além dos carrapatos, as pulgas também podem transmitir vermes. O mais comum é o Dipyilidium caninum, de formato achatado e aspecto similar a um grão de arroz nas fezes ou pelos. Muitos animais, quando se coçam, acabam ingerindo as pulgas que hospedam esse verme.
Para identificar a presença dos vermes, atente-se ao ânus do animal. Em geral, após a defecação, os pets têm um intenso prurido (coceira) na região anal e costumam andar sentados para aliviar o incômodo. Outro sintoma bastante comum é diarreia com muco e sangue. Por isso, é muito importante que todo animal infestado por pulgas seja devidamente vermifugado para evitar as verminoses.

Virose

Por último, a virose também entra na lista de doenças transmitidas por pulgas. Esses insetos também são vetores de vírus, podendo transportá-los de um animal doente para outro sadio. Dependendo da quantidade de carga do vírus conduzida, o pet pode vir a desenvolver uma virose.

Como eliminar as pulgas?

Na imagem aparece um cachorro, pulgas e carrapatos. As doenças transmitidas por pulgas afetam principalmente os animais.

Evitar que essas doenças transmitidas por pulgas cheguem até você ou seu pet não é uma tarefa complicada. A melhor solução é contar com um serviço de dedetização profissional. A Insect Bye pode te ajudar com isso! Somos uma dedetizadora no RJ  que atua com controle de pragas urbanas, entre elas as temidas pulgas. Contamos com os melhores métodos de eliminação de insetos indesejáveis com alto índice de assertividade em cada trabalho realizado.
Aproveite e conheça nossos outros serviços: descupinização, desratização e limpeza de caixa d’água. Entre em contato e solicite seu orçamento!

CategoriasPosts RecentesTags